sábado, 6 de novembro de 2021

MAIS DE 670 APOSENTADOS E PENSIONISTAS FALTAM À PROVA DE VIDA E PODEM TER BENEFÍCIO BLOQUEADO EM DEZEMBRO, DIZ IPERN

O governo do Rio Grande do Norte informou que pelo menos 678 servidores aposentados e pensionistas ligados à previdência estadual poderão ter os benefícios suspensos em dezembro por não terem comparecido à prova de vida realizada pelo Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (Ipern).

O órgão informou que prorrogou o prazo até o dia 30 de novembro para tentar regularizar a situação desses inativos e evitar a suspensão dos pagamentos.

A retomada da prova de vida pela previdência estadual ocorreu em setembro, após ser suspensa por causa da pandemia da Covid-19.

Dos 4.665 inativos que deveriam fazer essa atualização cadastral ao longo do mês (3.812 aposentados e 843 pensionistas), deixaram de comparecer 512 aposentados e 166 pensionistas.

"Devido a esse elevado número de faltosos, o Ipern está prorrogando o prazo da prova de vida para até o dia 30 de novembro/2021, especificamente para os inativos aniversariantes nos meses de setembro e outubro que ainda não compareceram aos postos de atendimento", diz o comunicado.

O Ipern tem agências em Natal, Mossoró e Caicó, além de atendimento nas Centrais do Cidadão localizadas em Alexandria, Alto do Rodrigues, Apodi, Caraúbas, Ceará-Mirim, João Câmara, Macaíba, Macau, Parelhas, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São José de Mipibu e São Paulo do Potengi.

A prova de vida deve ser feita no mês de aniversário do beneficiário. De acordo com o Ipern, os inativos que deixaram de realizar a prova de vida em setembro e outubro e não compareceram para regularizar a situação terão os vencimentos bloqueados a partir de dezembro.

Para fazer a prova de vida é necessário comparecer ao local de atendimento com os seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF e um comprovante de residência. FONTE: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2021/11/06/mais-de-670-servidores-aposentados-e-pensionistas-faltam-a-prova-de-vida-e-podem-ter-beneficio-bloqueado-em-dezembro-diz-governo-do-rn.ghtml

Nenhum comentário: