terça-feira, 10 de dezembro de 2019

TENTATIVA DE AGRESSÃO NA CÂMARA DE MACAU

Ao início da sessão ordinária da Casa Legislativa de Macau da última segunda-feira, 09, foi marcada por um ato de agressão protagonizado por um popular que tentou contra a integridade física do comunicador Paulo Porto que estava presente para fazer a Cobertura da Sessão.   Ao entrar no ressinto, Paulo foi surpreendido, de maneira covarde, por Dennys Tierry que desferiu um soco e só não foi bem sucesso em sua investida porque um popular que também entrava na sessão interviu.

Em seguida, a sessão foi interrompida e o agressor foi conduzido para fora da casa, sem que fosse lhe-dado voz de prisão que seria necessário vez que a infração aconteceu em um ambiente público,
Outro fato inusitado foi o apoio do Vereador Kekel ao agressor, o Edil chegou a dizer que Paulo Porto era responsável pelo acontecido e completou: “le vem para tumultuar, ele sabe que não é bem vindo aqui” esquecendo-se que todos devem ser bem vindos na ‘Casa do Povo’.
Numa tentativa de ficar inerte à situação, a Presidente da Câmara, Dyana Lira, fez-se de cega e exclamou: “Eu não sei quem agrediu e não vou tomar parte ou apartar briga”. Demostrando a apatia que já é de costume.
O ato que foi premeditado e combinado nas mídias sociais poderia ter sido evitado com uma ação mais enérgica da Câmara que, até o momento, não se manifestou.
Paulinho afirmou que: “A Agressão parte de pessoas desesperadas e que não se contentam que seus malfeitos venham a tona com o trabalho jornalístico desenvolvido através dos meios de comunicação.”.
O comunicador finalizou informando que vai acionar a justiça contra esse ato e que estranhou que representantes do povo incitem atos de agressão como fez Kekel.   FOTE : https://www.focoelho.com

Nenhum comentário: