segunda-feira, 11 de setembro de 2017

PF FAZ BUSCAS EM ENDEREÇOS DE MILLER, JOESLEY E SAUD

A Polícia Federal (PF) faz buscas nesta segunda-feira, 11, na casa do ex-procurador da República Marcelo Miller no Rio de Janeiro. Miller, que agora atua como advogado, é suspeito de aproximação dos executivos do grupo J&F que firmaram delação premiada à Operação Lava Jato, quando ainda atuava na Procuradoria. Agentes federais cumprem mandados de busca também em São Paulo.

A ação também é contra Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS. Os executivos estão presos.
Joesley Batista e Ricardo Saud, cujas prisões foram decretadas pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, por violação do acordo de colaboração premiada, se entregaram na sede da Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo, no domingo, 10.
Saud foi o primeiro a chegar. Por volta de 14h, Joesley, que partiu da casa do seu pai, nos Jardins, na zona sul, também chegou. Ambos usaram carros particulares para ir à sede da PF.
A prisão dos delatores foi ordenada por Fachin a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O ministro deferiu parcialmente o requerimento do procurador porque não mandou prender outro personagem desse novo capítulo do caso JBS, o ex-procurador da República Marcelo Miller – sob suspeita de fazer jogo duplo em favor do grupo empresarial. A decisão do ministro foi tomada na última sexta-feira (8), mas estava protegida sob sigilo. FONTE: PORTALNOAR

Nenhum comentário: