quarta-feira, 3 de maio de 2017

CIENTISTAS, ENFIM, DESCOBREM OS SEGREDOS DO TRIÂNGULO DAS BERMUDAS

A grande verdade é que até hoje nenhum cientista conseguiu explicar o porquê diversos navios e aviões desapareceram no local. Alguns céticos acreditam que os desaparecimentos acontecem devido às condições meteorológicas.
Segundo algumas pesquisas, os erros humanos que ocorrem devido às más condições atmosféricas são o que criam as lendas sobre o lugar. O número de desaparecimento parece ser igual ao de outros locais do mundo. Mas para entender a lenda criada, é preciso voltar para 1945. Nessa época, uma esquadrilha inteira de aviões de guerra norte-americanos desapareceu nas águas do triângulo. A partir deste episódio, outras notícias referentes ao mesmo local ganharam popularidade, criando um mistério.
Para alguns ufólogos, a região era atingida por abduções alienígenas. Mas, os cientistas descobriram que no Mar de Barents, na Noruega – pertencente ao Oceano Ártico – havia uma série de crateras de mais de 800 metros de diâmetro e mais de 45 metros de profundidade. Nessas crateras há gás metano, que fica submerso até que exploda e seja liberado. Essas explosões são tão fortes que podem causar o colapso de grandes navios.
De acordo com o cientista russo, Igor Yeltsov, da Universidade de Geofísica de Novosibirsk, pode existir uma relação entre estas crateras e os desaparecimentos no Triângulo das Bermudas. Algumas teorias acreditam que o fenômeno aconteça devido à reação de hidratos de gás de gelo proveniente das crateras da Noruega, que possuem gás metano. Após descongelar, é produzida uma reação, resultando em uma grande explosão. FONTE: JORNAL CIÊNCIA

Nenhum comentário: