quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

GUAMARÉ: BLOCO PARLAMENTAR DE OPOSIÇÃO DE GUAMARÉ COESO COM UM PROPÓSITO: GALGAR UM FUTURO PROMISSOR PARA O POVO GUAMAREENSE

Em (1º) de janeiro ultimo, durante a sessão de instalação da legislatura que terá inicio no próximo dia (21) de fevereiro, foi formalizada a criação do Bloco Parlamentar de Oposição, formado pelos vereadores: Emilson de Borba (PR), Gustavo Santiago (SD), Diva Araujo (PRB), Francisca Galdino (PMDB) e Eliane de Edinho (PV). Que formam a mesa diretora da casa Legislativa Guamareense para o biênio 2017/2018.   O portal foi recebido pelo bloco oposicionista para uma breve conversa informal, sobre a atual conjuntura política do município de Guamaré, onde os parlamentares fizeram um breve relato, de como foi formado o bloco parlamentar de oposição a atual gestão do município de Guamaré.
Primeiramente falou o presidente do legislativo guamareense, vereador Emilson Borba o Lula. O edil num papo bastante descontraído, nos disse que foi eleito pela coligação da chapa proporcional, “Guamaré Para Todos II”, em que elegeu-se o atual gestor de Guamaré, e por divergências políticas saiu do grupo político do prefeito de Guamaré Helio Miranda.
A vereadora Diva Araujo (PRB) reeleita para um novo mandato, pela coligação da chapa proporcional, “Guamaré Para Todos I” e a estreante Francisca Galdino (Francisca do Camarão) (PMDB), eleita pela coligação, “Guamaré Para Todos I” nos repassou a mesma posição em que o vereador Lula nos descreveu, por divergências políticas deixaram de integrar o grupo político do prefeito Helio Miranda.
Já o vereador Gustavo Henrique (SD) reeleito pela coligação, “Guamaré Merece Mais”, como o segundo mais votado do pleito, nos disse que segue a mesma linha desde que entrou para o poder legislativo guamareense, se fiscalizar, cobrar, criticar quando necessário e elogiar quando preciso, o edil continuou seu relato dizendo que, oposição se faz com responsabilidade em prol de um único objetivo, cobrar do poder publico melhor qualidade de vida para os munícipes, cobrar e fiscalizar oportunidades igualitárias para os que necessitam dos serviços públicos ofertados, e que sejam de qualidade, uma vez que o município dispõe de recursos volumosos para isso, e será assim nesta nova legislatura que foi instalada em 1º de janeiro, e será aberto os trabalhos legislativos no próximo dia (21) de fevereiro.
A estreante que, substitui o ex-vereador Edinho de Moacir, que é seu esposo, a vereadora Eliane de Edinho bastante entusiasmada nos repassou que, fará um mandato participativo, conversando com o povo, ouvindo os problemas da comunidade e procurando na casa legislativa os meios para sanar, ou ate mesmo amenizar as carências dos munícipes, a edil nos repassou que, já iniciou a colocar em pratica tudo aquilo que absorveu, em sua capacitação no curso de Serviço Social, e pós-graduação em gestão publica. Já criou ferramentas nas redes sociais para prestar contas e interagir com a comunidade, alem de ter inaugurado o sua Tribuna Digital.
Encerrando o encontro com os parlamentares guamareenses, o Portal indagou se no Bloco teria um líder e liderados. Todos foram unanimes em afirmar que, foi criado um bloco político no legislativo guamareense, onde foram aparadas as arestas das divergências políticas, no intuito de trabalhar como representantes legítimos do povo de Guamaré, ao qual os elegeram para representa-los, galgando um futuro promissor para o povo, em todos os aspectos. Link do artigo: http://guamarenews.com/#ixzz4YBStf6ea

Nenhum comentário: