quarta-feira, 2 de novembro de 2016

CBF ANUNCIA SAÍDA DE VADÃO, E SELEÇÃO SERÁ COMANDADA POR MULHER PELA 1ª VEZ

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou nesta terça-feira (1) a saída do técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão, da seleção brasileira feminina. O treinador estava no cargo desde 2014, em sua primeira experiência fora do futebol masculino. No lugar dele, assumirá Emily Lima, ex-treinadora do São José (SP) e primeira mulher a assumir o cargo na seleção.
Vadão deixa a equipe com a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2015, em Toronto (Canadá), e o título da Copa América feminina 2014, no Equador. Por outro lado, ficou fora do pódio tanto na Copa do Mundo de 2015, no Canadá (parou nas oitavas de final), quanto nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro (foi quarto colocado).
Em entrevista ao “SporTV”, o técnico afirmou que sua saída estava acertada desde a última quinta-feira (27). “Era uma coisa que ia acontecer, não foi nenhuma surpresa, nenhuma novidade. O projeto da CBF comigo era até a Olimpíada. Na quinta-feira passada já havia sido comunicado, ontem tive uma longa conversa com o presidente e hoje foi divulgado oficialmente”, afirmou Vadão, que também agradeceu a CBF pela oportunidade.
O nome de Emily Lima, que tinha passagens pelas seleções de base, era o mais cotado para assumir o cargo. Em seu mais recente trabalho, ela levou o São José (SP) ao vice-campeonato da Copa do Brasil 2016, vencida pelo Audax/Corinthians.
Antes de se tornar treinadora, Emily jogou profissionalmente pelo Saad no início da carreira. Ela será apresentada no cargo nesta quinta-feira (3), às 11h (de Brasília).

A seleção feminina já foi comandada por Zé Duarte, Renê Simões, Fernando Pires, Ademar Fonseca, Wilsinho Oliveira, Paulo Gonçalves e, por último, Vadão. FONTE: AGORARN

Nenhum comentário: