terça-feira, 25 de outubro de 2016

VÍDEO: CRIANÇA MORRE APÓS O PAI CAIR ACIDENTALMENTE EM CIMA DELA E QUEBRAR SEU PESCOÇO

Um vídeo divulgado pelo canal de televisão chinesa CCTV viralizou ao mostrar um Acidente lamentável entre o pai e seu pequeno filho, de 5 anos de idade. As imagens captaram o momento em que o pai acidentalmente se desequilibra e cai de costas em cima de seu filho, matando a criança, que teve seu pescoço fraturado. O caso aconteceu na cidade de Guangzhou, na China. As imagens são de uma das câmeras de segurança do supermercado onde eles estavam, que captou o momento exato do acidente.
 No vídeo, é possível ver o pai caminhando de mãos dadas com o filho dentro do supermercado. Os dois pareciam felizes de estarem juntos. E como é de costume das crianças, o menino arrumou uma maneira de se divertir com seu pai. O garotinho brinca de andar atrás de seu pai, dando as mãos a ele.
O homem segue andando na frente e o filho atrás; o pai anda devagar com os braços para trás, segurando o menino, e seguiam brincando os dois. Até que, ao supostamente descer um degrau, o pai parece ser puxado para trás pelo menino. O homem se desequilibra, tenta segurar, mas não consegue, caindo em cima da criança. Na queda, o peso atingiu a parte superior do corpo da criança e a cabeça. O homem tenta sair de cima rapidamente da criança, mas não consegue.
Uma mulher que estava no local corre e ajuda ele a se levantar. Em seguida, ela pega a criança caída ao chão, que parece estar desacordada e entrega no colo do pai. Este carrega o menino, dá uns poucos passos, coloca o menino novamente deitado no chão e se desespera, olha para a criança desacordada, sem saber o que fazer. O vídeo é interrompido neste momento. Veja o vídeo aqui. https://youtu.be/BvZBdflmjHo
Segundo informações do canal de TV, o garotinho foi socorrido e levado para um hospital da cidade, mas não resistiu ao ferimento, vindo a morrer logo em seguida. A causa da morte seria uma fratura na coluna cervical, o peso do corpo do pai da criança teria fraturado a região do pescoço do filho.

Nenhum comentário: