sexta-feira, 16 de outubro de 2015

MACAU: A CÂMARA DE VEREADORES DE MACAU TEM O PRESIDENTE QUE MERECE TER.

O vereador presidente da Câmara Municipal de Macau, Manoel Galdino, mas conhecido como Manoel do Gago, parece mesmo conduzir a casa do povo no piloto automático desde que assumir a presidência em janeiro deste ano.

O presidente passou a ser noticia nas redes sociais e nos grupos do Whats App, após ser flagrado em plena sessão usando o telefone celular varias vezes para passar e receber mensagens.
Parece que usar celular em plenário durante as sessões não é uma regalia somente para os deputados estaduais e federais, já que alguns vereadores também fazem o mesmo, como a foto produzida na Câmara de Vereadores de Macau.
O flagrante foi registrado por populares que estavam presente na sessão ordinária realizada na ultima terça-feira (13). Como ele ainda não está muito aperfeiçoado com o aplicativo, observe na imagem que ele encontra dificuldades, e parece que a mensagem recebida lhe preocupou ao ponto de compartilhar com o vice-presente Oscar Paulino.
O que chamou a atenção de fato, e esta eu considero o mais absurdo, foi quando um vereador terminou seu discurso e voltando a palavra ao presidente, ele estava tão concentrado no celular que não percebeu, roubando risos do publico presente na sessão.  Embora esta seja a primeira vez que as imagens foram produzidas por um veículo de comunicação, tal pratica é rotina na Câmara segundo leitores do blog.
Com tantos projetos que poderiam ser discutidos e propostos pelos vereadores, incluindo alguns debates importantes, já que as sessões são registradas por áudio, vídeo e fotografias, passar tempo em um aplicativo, ou mesmo atender chamada telefônica dentro da Câmara, é no mínimo um péssimo exemplo dos representantes do povo.
Para evitar tal prática, considerada antiética, o presidente de uma Câmara pode proibir o uso de celular durante as sessões, começando a dá o exemplo por ele mesmo, evitando que as atenções dos vereadores fiquem dispersas durante as reuniões. O regimento interno pode ser alterado, incluindo a proibição de vários tipos de aparelhos no interior da Câmara.

A sessão realizada nesta terça-feira em Macau, desagradou boa parte da população que foi ao local para fazer diversas reclamações sobre falta de estrutura. Muitos ficaram do começo ao fim e criaram expectativa, mas teve quem saísse antes do fim, desanimado com a postura de alguns vereadores registrado por lentes que ver melhor do que os próprios Edils. FONTE: MACAU EM DIA

Nenhum comentário: