sexta-feira, 17 de julho de 2015

SAÚDE: CONFIRA ALGUNS ALIMENTOS QUE NÃO PODEM FALTAR NO CARDÁPIO MASCULINO

A maioria dos homens se mostra bastante resistente quando o assunto é cuidar da saúde. Pesquisa realizada pelo Instituto de Geografia e Estatística, o IBGE, revela que homens vivem em média 7 anos menos que as mulheres. No entanto, o que muitos desconhecem é que alguns problemas da saúde masculina podem ser prevenidos com a tríade alimentação saudável, prática de exercícios físicos e consumo de produtos que complementem a dieta, muitas vezes carente dos nutrientes necessários para a manutenção do bom funcionamento do organismo.
De acordo com Flávia Morais, coordenadora de nutrição do Mundo Verde, entre as doenças que mais acometem os homens podemos destacar a  obesidade, as doenças cardiovasculares, a hipertensão arterial e o câncer de próstata. “A alimentação exerce papel fundamental na prevenção e tratamento dessas doenças, destacando-se nutrientes como o ômega 3, encontrado nos óleos de peixe e na semente de linhaça, que auxilia no controle da pressão arterial, redução do colesterol total e do LDL (colesterol ruim), além de atuar nos episódios de aterosclerose”, ressalta.
Ainda de acordo com a especialista, os antioxidantes também são nutrientes fundamentais, já que a sua deficiência na alimentação leva ao enfraquecimento do músculo cardíaco. “Por isso, a importância da ingestão diária de frutas, verduras e legumes variados. Alimentos como suco de uva integral, suco de cranberry, açaí e abacate são excelentes fontes de antioxidantes, protetores da saúde do coração. Além disso, as gorduras do bem, encontradas nos óleos vegetais (azeite de oliva extravirgem, óleo de linhaça e de macadâmia) e nas oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas e avelãs) que são fontes de gorduras insaturadas, estão diretamente relacionadas à saúde do coração”, alerta Flávia.

Confira os melhores alimentos para prevenir algumas das principais doenças masculinas:
Sobrepeso/Obesidade – Fator de risco para diversas doenças, entre elas, as cardiovasculares e diabetes. Pesquisas mostram que o ganho de peso com a idade é maior entre os homens do que entre as mulheres. A adoção de bons hábitos alimentares e a prática regular de exercícios físicos são medidas que colaboram para a manutenção e perda de peso. Como coadjuvantes na perda de peso podem ser utilizados os chás verde e branco, o óleo de coco, cápsulas de fibras como quitosana, e agar agar.
Câncer de próstata – Estudos mostram a relação inversa entre o consumo de fontes de licopeno e risco de câncer de próstata, pulmão e estômago. O licopeno é uma substância antioxidante responsável pela cor avermelhada do tomate, melancia, pimentão. Já a soja e seus derivados são fontes de isoflavonas, que também atuam na prevenção contra o câncer de próstata. Por fim, o zinco. Ele é um mineral importante para a saúde da próstata. Suas principais fontes alimentares são ostras, grão de bico e demais leguminosas, semente de abóbora, cereais integrais, oleaginosas, semente de gergelim, tahine e chocolate amargo.

Fertilidade – O consumo de alimentos com alto teor de antioxidantes e nutrientes como selênio, ácido fólico e zinco, é fundamental para a produção de esperma. Uma alimentação baseada em legumes, vegetais folhosos verde escuros e frutas, castanha, leguminosas, semente de abóbora, para este caso, é imprescindível. A prática regular de atividades físicas e o controle do estresse também são importantes para evitar a infertilidade.  FONTE: JORNAL DE HOJE

Nenhum comentário: