quarta-feira, 24 de junho de 2015

‘CORREDÔMETRO’ IDENTIFICA 101 PACIENTES EM MACAS IMPROVISADAS NOS PRINCIPAIS HOSPITAIS

Em seu lançamento, o ‘Corredômetro RN’ identificou 101 pacientes em macas improvisadas nos quatro principais hospitais do Rio Grande do Norte: Walfredo Gurgel, Santa Catarina e Deoclécio Marques, na Região Metropolitana, e o Tarcísio Maia, em Mossoró. Deste total, 80 estão em macas nos corredores e 21 em macas em outros espaços dos hospitais, de forma improvisada.

O contador também identificou o tempo de permanência e espera de um leito, que chega a 45 dias para uma paciente que está em uma maca no Walfredo Gurgel. O serviço está sendo inaugurado com uma vigília com velas na frente do hospital. O levantamento será realizado uma vez por semana e divulgado inicialmente pelo site do Sindsaúde (www.sindsaudern.org.br). Será mantido após a greve dos servidores estaduais, iniciada no dia 11 de junho.

“A imprensa muitas vezes é proibida de entrar nos hospitais, mas nós estamos lá todos os dias e podemos mostrar essa verdadeira vergonha. Entra governo, sai governo e os corredores continuam lotados. As pessoas precisam de dignidade“, afirma Manoel Egídio Jr, vice-coordenador do Sindsaúde-RN e enfermeiro no Walfredo Gurgel.
FONTE: JORNAL DE HOJE

Nenhum comentário: