quinta-feira, 18 de junho de 2015

CAPITÃO STYVENSON É HOMENAGEADO NA CMN E RECEBE TÍTULO DE CIDADÃO NATALENSE

“Hoje, temos a honra de reverenciar um profissional cidadão que foca seu trabalho na manutenção da ordem e defesa da sociedade”. Foi com essas palavras que o vereador Maurício Gurgel (PHS) deu início nesta quarta-feira (17) a uma sessão solene no plenário da Câmara Municipal de Natal de entrega do Título de Cidadão Natalense ao Capitão Eann Styvenson Valentim Mendes, Comandante da Operação Lei Seca.
O vereador Maurício Gurgel, propositor da homenagem, falou da trajetória vitoriosa do Capitão Styvenson, destacando sua ética e o rigoroso cumprimento do dever. “Tamanha retidão já lhe causou transtornos, muitas vezes com ameaças e perseguições. Isso porque existe descontentamento naqueles que insistem em transgredir a lei. No entanto, a população apoia as ações pela segurança no trânsito, que colecionam prêmios, distinções e menções honrosas”.

Sete anos depois de sua aprovação, pesquisa do Ministério da Saúde mostra os benefícios da Lei Seca apontando que a frequência com que adultos dirigem depois de consumir álcool abusivamente caiu 45%. O Brasil, que ostentava o triste título de detentor de um dos mais altos índices de mortes no trânsito por habitante, agora pode comprazer-se por ter reduzido em 10% esse número no ano de 2014, segundo dados do Governo Federal.    A redução interrompe uma sequência de aumento da violência no trânsito e também representa a queda mais expressiva desde 1998. No Rio Grande do Norte, por exemplo, durante o feriado de carnaval desta ano não houve nenhum acidente nas rodovias estaduais.

Em seu discurso, o Capitão Styvenson afirmou que não há nada que não possa ser transformado com a força do trabalho. “O segredo da mudança reside na aplicação das nossas energias em prol da construção do novo”, disse ele, lembrando que a Operação Lei Seca promoveu uma alteração de postura cultural. “A lei prevê mais rigor contra o motorista que ingerir bebida alcoólica. Diante disso, as pessoas precisaram se adaptar para respeitar a lei mediante a mudança de hábitos”, explicou.

“Dedico este título de cidadania a toda minha equipe, formada por profissionais determinados e de conduta ilibada. O processo é coletivo e sem o apoio dos companheiros o sucesso não seria possível. Trabalhamos com o objetivo de buscar a paz no trânsito, evitar acidentes e salvar vidas. Nos esforçamos todos os dias para que as mães estejam tranquilas por saberem que seus filhos voltarão para casa. Esse é o nosso maior prêmio”, concluiu o Capitão Styvenson.
FONTE: JORNAL DE HOJE

Nenhum comentário: