sexta-feira, 27 de março de 2015

'VAI LONGE', DIZ PROFESSOR DE ESCOLA QUE DEU BOLSA PARA 1º LUGAR NO IFRN

O estudante Thompson Vitor, de 15 anos de idade, que foi o 1º lugar geral no exame de seleção do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), alçou seu primeiro voo: se mudou para Fortaleza. Ele recebeu uma bolsa integral para estudar em uma escola privada da capital cearense, além de ajuda de custos e moradia. "Estou gostando muito daqui, a escola é muito boa, os professores são excelentes", disse Thompson.   Ele é filho de uma catadora de lixo e um pasteleiro e morava com a família em uma casa simples no Paço da Pátria, na Zona Leste de Natal. O garoto, que se tornou um exemplo na comunidade onde morava após ser aprovado em 1º lugar no IFRN, foi surpreendido com a oferta de uma bolsa de estudos da Organização Educacional Farias Brito ainda em fevereiro.
"Eu tinha acabado de fazer minha matrícula no IFRN. Pensei bastante antes de aceitar porque sempre sonhei em estudar no IFRN, mas eu avaliei os perfis das duas escolas e o que eu teria quando saísse de uma e de outra. Pensei no meu futuro e escolhi vir pra cá", contou Thompson.    Assim que se mudou para Fortaleza, Thompson já começou a estudar. A rotina é puxada: de manhã Thompson reforça os estudos em casa e as aulas acontecem no período da tarde. Além da bolsa integral, a moradia também é custeada pela escola e todas as refeições são feitas na instituição.

"Ele tem todo um acompanhamento psicológico e pedagógico por parte da instituição. As notas, o comportamento, o relacionamento com os demais alunos, tudo é acompanhado pela escola e informado para a família dele em Natal", disse o supervisor pedagógico da Organização Educacional Farias Brito, professor Marcelo Pena.
O professor explica que a escola investe em alunos com o perfil do Thompson: que buscam o mérito acadêmico, mas não teriam condições de pagar a mensalidade. De acordo com Marcelo Pena, em pouco tempo Thompson já mostrou que tem grande potencial. "Ele fez um texto que surpreendeu até o professor. É um menino extremamente capaz que vai voar longe", disse.

A escola é conhecida pelos altos índices de aprovação no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (Ita) e Thompson será preparado para ser mais um desses aprovados. "Esse ano eu pretendo fazer o vestbular do Ita como treineiro pra já ver como é. Vou estudar muito pra passar quando chegar a hora", disse.
FONTE. G1 DO RN

Nenhum comentário: