sexta-feira, 27 de março de 2015

BEBÊ DE UM ANO MORRE NO HOSPITAL POR ENGOLIR 12 PEDRAS DE CRACK

Morreu na noite desta quinta-feira (26), o menino Fabio Gabriel Caetano Amorin, de um ano e quatro meses, após passar 10 dias internado na UTI por ter engolido pedras de crack que estavam na casa em que vivia, em Paranaguá, litoral do Paraná. O pequeno Fabio lutava pela vida no Hospital Pequeno Príncipe, em Curitiba, desde o dia 16 de março, mas não resistiu. A mãe, de 21 anos está presa junto com o padrasto, de 29 anos.

O casal foi preso após a Polícia Militar receber denúncias anônimas de que o filho da mulher teria engolido pedras de crack, guardadas em casa pelo casal. O bebê recebeu atendimento médico e foi internado no Hospital Regional de Paranaguá. A mulher já tem passagens pela polícia por receptação.
O corpo da criança foi encaminhado ao IML.
Fonte: Terra

Nenhum comentário: