sexta-feira, 17 de outubro de 2014

DILMA ROUSSEFF TEM MAL-ESTAR AO VIVO APÓS DEBATE CONTRA AÉCIO NO SBT

A presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT, sentiu mal-estar nesta sexta-feira (16) após participar de debate na TV e, no momento em que concedia entrevista, pediu para sentar-se por ter tido queda de pressão.

Dilma relatou à jornalista que a entrevistava que não estava se sentindo bem. Segundo assessores, a presidente se alimentou mal ao longo do dia e não precisou se dirigir a um hospital na capital paulista.
Enquanto concedia a entrevista e avaliava sua participação no debate, Dilma comentou que o encontro entre ela e Aécio Neves (PSDB) foi "renido" e os dois candidatos ao Planalto apresentaram suas propostas.
Ao defender que o Brasil está em situação socialmente melhor que em anos atrás, Dilma afirmou que o país tem "clara linha" voltada para a distribuição de renda e aplicação da educação.

"E tem, a todas as demais áreas, de infraestrutura, urbana [...] Eu não estou me sentindo bem [...] Eu não estou [...] Eu estou me sentindo mal. A minha pressão caiu", disse a presidente. Neste momento, Dilma se apoiou na repórter e pediu para sentar-se.
Após se sentir mal, Dilma bebeu um copo de água. Na sequência, ao retomar a entrevista, a presidente voltou a dizer que teve queda de pressão. "Acredito que um debate exige muito da gente, então, foi isso. Agora consigo concluir a minha entrevista e peço desculpas ao telespectador, mas é assim que nós somos", afirmou.
A jornalistas, Dilma afirmou que, ao sentir que teve queda de pressão, deu uma "esfregadinha" nos pulsos e sentiu-se melhor. A presidente contou aos repórteres acreditar que o mal-estar foi causado por ter se levantado rapidamente após o debate para conceder a entrevista.
DO G1, EM BRASÍLI

Nenhum comentário: