sábado, 21 de junho de 2014

EUA VISLUMBRAM PARCERIAS COMERCIAIS COM O RN


Com a Copa do Mundo em Natal, as perspectivas de um maior estreitamento das relações comerciais entre Estados Unidos e Rio Grande do Norte são boas. Após ter assistido ao jogo entre Estados Unidos e Gana, realizado na Arena das Dunas na última segunda-feira, o cônsul comercial dos Estados Unidos, Eric Olson, informou que pretende retornar à capital potiguar “o mais breve possível” no intuito de iniciar um diálogo com a classe empresarial local sobre as oportunidades de negócios entre norte-americanos e potiguares. O cônsul destacou o turismo, energias renováveis e petróleo e gás como as principais potencialidades do Estado.
Eric Olsen desempenha suas atividades no Consulado Geral dos Estados Unidos em Recife. Segundo ele, o jogo da seleção norte-americana na Arena das Dunas foi uma oportunidade para vir ao Rio Grande do Norte pela primeira vez.

“Pretendo retornar a Natal assim que possível. Estamos estudando realizar um seminário em agosto com o objetivo de mostrar aos empresários como aproveitar as oportunidades de negócios com as empresas dos Estados Unidos. Essa data ainda não está fechada, mas quando fui em Natal, estive em contato com a Fiern e devemos conversar sobre isso em breve”, explicou o cônsul comercial.

Eric Olsen ressaltou que o setor energético do Rio Grande do Norte oferece boas oportunidades para negócios entre os dois países. “Não só produção de petróleo, mas principalmente a energia eólica são boas áreas para se trabalhar”, explicou.

O cônsul comercial disse ainda que acredita na Copa como um fator que venha a somar para atrair mais turistas americanos nos próximos anos. “As pessoas que vieram com quem eu conversei me passaram boas impressões da cidade. E muitos desses visitantes eram inclusive empresários, que vieram para assistir a Copa, mas que tem um olhar diferenciado para oportunidades de negócios. Acredito que a Copa do Mundo foi muito positiva”, disse.

Trabalhando no país desde 2013, Eric Olsen tem como missão incentivar as relações comerciais entre os Estados Unidos e o Nordeste. Antes de vir para Recife, o Cônsul desempenhou atvidades em Quito, no Equador, e  também em Seul, na Coreia do Sul.

Interesse
O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico e vice-presidente da Federação das Indústrias do RN, Silvio Torquato, explicou que não só os Estados Unidos, mas também Camarões e Japão tem mantido contato durante a Copa do Mundo para conhecer as potencialidades do Rio Grande do Norte.

“Fiern e Sedec tem feito um trabalho conjunto, em contatos com as delegações que vieram jogar em Natal, e as conversas foram muito proveitosas”, disse Torquato.  O secretário explicou que os empresários que vieram assistir aos jogos em Natal estão tendo contato com a realidade de um país que muitos deles desconheciam.

“Eles constataram in loco que existem muitas possibilidades de negócios aqui, principalmente nas áreas de alimentos, petróleo e gás, fruticultura, energias renováveis. Muitos deles tem ideia de que o nordeste é subdesenvolvido, mas eles saíram muito impressionados com o que constataram”, diz Sílvio.
FONTE: TRIBUNA DO NORTE

Nenhum comentário: