domingo, 18 de maio de 2014

­EX-PRESIDENTE QUER MARCO REGULATÓRIO PARA A IMPRENSA

Em meio a blogueiros na maioria simpáticos ao PT, Lula elegeu a regulação dos meios de comunicação como prioridade de vida, distribuiu críticas à imprensa, mas disse que em vez de “chorar” os descontentes devem aproveitar os mecanismos existentes hoje para criarem seus próprios meio de comunicação. Lula comparou o momento atual às greves do ABC, quando os sindicalistas informavam os metalúrgicos por meio de panfletos.
Embora tenha reclamado da forma “truculenta” como Dilma tem sido tratada, Lula usou um tom agressivo ao reclamar da maneira como a “grande imprensa” se refere aos ativistas digitais. “Eu nunca imaginei que pelo fato de vocês serem como são sejam chamados de blogueiros sujos. É como se eles fossem limpos.”
Lula leu um texto que citou medidas de regulação do setor na Inglaterra, nos Estados Unidos, na Argentina e em Portugal, dentre outros. “Para não dizerem que sou socialista, citei apenas países que são símbolos da democracia ocidental. Então que não venham dizer que isso (proposta de regulação) é censura “ E citou a canção: “Liberdade, liberdade abre as asas sobre nós”.

No início da sua fala, Lula criticou, em tom irônico, a atuação da imprensa. “A imprensa só me trata bem”, disse. Mas defendeu que a regulação seria importante para manter o equilíbrio no tratamento de informações.

Lula disse se solidarizar com os blogueiros presentes e se desculpou por tê-los colocado em uma situação em que foram criticados na mídia. No início de abril, o ex-presidente realizou um bate-papo com grupo de blogueiros que, à época, chegaram a ser chamados de “blogueiros sujos”. Lula aproveitou para alfinetar o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB): “Aqui em São Paulo ser chamado de blogueiro sujo é culpa do Alckmin porque o Cantareira secou”
.
FONTE: TRIBUNA DO NORTE

Nenhum comentário: