sábado, 19 de outubro de 2013

Redução de supersalários ocorrerá na folha de outubro

Governo do Estado começa a cumprir o teto salarial de R$ 25.323,50 para o serviço público estadual a partir do pagamento da folha do mês de outubro. A medida atinge mais de 600 servidores.
A informação foi repassada ao O Mossoroense pelo secretário estadual de Administração, Alber Nóbrega. Ele explicou que foi cumprido todo um trâmite para que os cortes fossem feitos. "Chamamos mais de 600 servidores, e eles tiveram a oportunidade de se defenderem no processo administrativo", esclareceu.
De acordo com Alber, o governo vai suspender o pagamento acima do teto, mas ainda cabe recurso. "Agora eles terão que recorrer à governadora, que se manifestará através da procuradoria", frisou.
O secretário disse ainda que existem alguns servidores que continuarão recebendo. "São exceções. É gente que já tem direito adquirido por lei ou por decisão judicial", explicou.
O governo cumpriu determinação do Tribunal de Contas do Estado que solicitou que a administração acabasse com os chamados supersalários.
Conforme a legislação, nenhum servidor estadual pode ganhar acima dos proventos pagos a um desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ/RN).
Estima-se que com a redução serão economizados R$ 3 milhões por mês, o que representa aproximadamente R$ 39 milhões ao longo do ano.
Bruno Barreto
Editor de Político

Nenhum comentário: